Registros de Desaparecimento de pessoas não são atualizados

Brasil Investigações - Detetive Particular > Blog do Detetive Particular > Detetive Particular > Registros de Desaparecimento de pessoas não são atualizados

Minas Gerais vem registrando em média um desaparecimento por hora no estado, mas de acordo com pesquisas, em Belo Horizonte é a única cidade que conta com o apoio da Polícia Civil, ela possui uma unidade específica e especializada nos casos de pessoas desaparecidas.

Que de acordo com a delegada da unidade, os investigadores da PCMG vem enfrentando uma corrida contra o tempo para localizar as pessoas que desaparecem, principalmente localizar essas pessoas com vida e com a integridade mental e física preservada.

Outra dificuldade relatada pela delegada é a notificação dessas pessoas localizadas, pois 95% das pessoas que tem um registro de desaparecidos e que voltam para a casa ou são localizadas de alguma forma não são subnotificadas, que nesse caso, os números de pessoas desaparecidas não estão representando a quantidade correta nos registros públicos.

O que mais assusta é que a maioria das pessoas desaparecidas tem entre 0 e 18 anos que na maior parte é do gênero masculino, que talvez estão desaparecidos por vontade própria e por diversos motivos, e um dos principais motivos é a insatisfação com um dos pais ou familiares.

Já os idosos, nos registros de desaparecidos a maioria conta com um problemas psiquiátricos e que nesses casos a família deve procurar a polícia assim que perceberem o sumiço daquele amigo ou parente, para ter a chance de ser encontrado o mais rápido possível.

No Estado de São Paulo no ano passado foram registrados cerca de 24 mil desaparecidos, desse total 215 eram de 0 a 7 anos, 1.040 eram de 8 a 12 anos e quase 8 mil eram adolescentes, o que representam cerca de 8.500 criaças e adolescentes num total de um terço de desaparecidos no estado.

O departamento de investigação classificam de três formas esses desaparecidos:

*Desaparecidos voluntários: que fogem de seus lares por desentendimento na família, abusos ou violências;
*Desaparecidos involuntários: que são aqueles que afastam por qualquer evento ao qual não se possui um controle, que seja por desastres naturais ou acidentados;
*Desaparecidos forçado: que desapareceu por sequestro.

O que mais assustam os pais e familiares são os desaparecidos forçados, principalmente quando se trata de crianças e adolescentes. Seus principais motivos são: prostituição e escravidão, pedofilia, tráfico de órgãos e acertos de conta.

Hoje, infelizmente nem todos os estados do Brasil disponibilizam dados precisos sobre qualquer desaparecimento, e não existe um dado oficial da quantidade exata das pessoas que estão verdadeiramente desaparecidas, se tivesse evitaria que mais crianças desaparecessem ou ficasse mais tempo longe dos pais.

Brasil Investigações

Nossa agência possui ferramentas modernas, canais de contato e acesso a bancos de dados atualizados para auxiliar na busca e no rastreamento de pessoas desaparecidas ou foragidas. Ligue para um de nossos consultores.

×