83 filhos feito por inseminação

Todo mundo conhece alguém que quer ter um filho, mas não pode, alguém da família, amigos ou vizinhos. Muitos casais tem um sonho de ser pais, principalmente quando estão a muito tempo casados e chega alguém inconveniente e pergunta quando é que vocês vão ter um filho.

Muita gente que quer ter filho e não pode procura uma clínica de fertilização, porém um tratamento de fertilização é muito caro, ficando em torno de vinte a cinquenta mil reais pra fazer uma tentativa, e muitas das vezes não consegue de primeira, tem pessoas que chegam a gastar em torno de 100 mil reais realizando tentativas e mais tentativas.

Pois bem, a polícia de São Paulo chegou a fechar uma clínica clandestina de fertilização localizado no bairro Rio Pequeno, Zona Oeste de São Paulo. Chegando lá os policiais se deparam com uma casa e era exatamente naquela casa que a clínica funcionava.

João Carlos Holand de Barcelos é dono dessa clínica que confessou não ter a documentação necessária para realizar a inseminação artificial. A história fica ainda mais interessante quando descobriram que esse método utilizado por João Carlos já havia sido denunciado a três anos atrás.

Mostrado por um jornal da televisão em que realizaram uma matéria falando sobre inseminação caseira, pessoas que eram selecionadas pela internet, onde mulheres com o sonho de engravidar mas que não tinha condições financeiras para realizar o procedimento em uma clínica oficial, além de homens que estão disposto a doar o sêmen.

A polícia então descobriu que João Carlos de 64 anos, dono da clínica clandestina tem mais de 83 filhos feitos por esse método, e ele não esconde o que faz e ainda explica em detalhes como ele procede e porque é muito procurado.

 A reportagem conversou com mulheres grávidas e outras que já tiveram filhos vindo de inseminação feito por João Carlos e diz ter feito porque a inseminação é mais em barata.

Especialistas da área falam sobre os perigos que uma mulher pode correr ao passar por um procedimento clandestinos desses, onde colocam o sêmen em uma seringa e injetam no útero da mulher.

Questões jurídicas fazem parte dos procedimentos legais de inseminação, até porque ninguém sabe quem é o pai, mas que futuramente há a possibilidade de solicitar um reconhecimento de paternidade da criança caso necessário, embora seja muito difícil, já que os frascos não tem a identificação de quem é.

O funcionário público João Carlos diz em reportagem que o que ele fazia era pra ajudar mulheres que não tinha condições, mas queria realizar o sonho de ser mãe. Porém ele usava o seu próprio sêmen e diz que quanto mais filho se tem mais imortal fica, que por enquanto ele estava com 80 filhos, mas se passasse de 100 era melhor ainda. Ele chegou a registrar 10 filhos e só paga pensão para um deles.

A esposa Maria Luiza da Conceição, era quem agendava as consultas que demoravam meses para acontecer devido a procura, e também era ela que entregava o material que era usado para a inseminação caseira, de acordo com a reportagem João Carlos faz esse procedimento a cinco anos.

Mesmo depois da denúncia, João Carlos diz não querer parar com o procedimento porque se sente bem em fazer diversas famílias felizes. Na casa a polícia apreendeu diversos materiais como medicamentos e seringas que iriam ser usados para futuros procedimentos.

Tanto João Carlos quanto a esposa Maria Luiza, foram levados a delegacia para prestar depoimento, mas em seguida foram liberados, vão responder em liberdade por 5 crimes, entre eles expor alguém por contágio de doença venérea, corrupção de menores e exercício irregular da medicina.

Grupo Brasil Investigações

Muitos clientes contratam detetives particulares para auxiliá-los em atuações de defesas, seja em área trabalhistas, civil, familiar ou criminal, desde que seja dentro dos limites legais de atuação.

Em uma ação judicial, é importante que se tenham provas concretas em mãos, e essas provas dependem muito de um bom detetive profissional, tais com:

  • Fotos
  • Filmagens
  • Vídeos
  • Rastreamento de objetos e bens
  • Gravações em áudio
  • Rastreamento de pessoas, entre outros.

Com essas provas em mãos, o advogado fará a defesa de seus clientes com muito mais êxito. E entrar em um julgamento com total confiança e convicção de que dará tudo certo, não tem preço.

Entre em contato com o Grupo Brasil Investigações e saiba como podemos ajuda-lo.

×